10 Dicas da Saga Jeep para manter o seu Jeep sempre novo

31/05/2021


Todo mundo sabe que, para manter o rendimento e o bom estado de um carro, é importante ter alguns cuidados constantes com o veículo.

Isso não só ajuda a mantê-lo em pleno funcionamento e esteticamente agradável como garante, em futura venda, uma valorização extra. 

Mas, afinal, o que é preciso fazer para conservar o meu Jeep? Quais cuidados são importantes na hora de garantir o bom estado da máquina?

A seguir, dez dicas preciosas que vão te ajudar bastante nisso com o seu Jeep:

1º - Use gasolina de boa procedência no carro 

Esta é uma dica super relevante! Utilizar gasolina de qualidade traz não só benefícios imediatos – por exemplo, bom desempenho ao carro – como mediatos, assegurando durabilidade ao motor e a todo o sistema mecânico.

Por isso, opte por abastecer em postos tradicionais. Além disso, certifique-se se o estabelecimento tem as licenças conferidas pela ANP (Agência Nacional do Petróleo) e INMETRO (Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia).

E mais: peça a análise do combustível na hora do abastecimento. É um direito seu conferido pela norma.

2º - Atenção à bateria do carro 

É importante lembrar que a bateria sempre dá sinais de fraqueza. Portanto, nunca ignore essa alerta no painel do seu carro.

Outra ação importante é verificar, regularmente, se há vazamentos ou qualquer acúmulo de minerais ao redor da bateria. Caso tenha, limpe-os com um pincel de limpeza.

Bateria saudável é sinônimo de carro saudável.

3º - Verifique o nível de óleo

Como já é sabido de todos que entendem minimamente de carro, o óleo serve para lubrificar, limpar, proteger e refrigerar o motor.

Quando o óleo está velho ou abaixo do nível ideal, estas serventias do óleo ficam prejudicadas, o que impacta na vida útil do motor.

Por isso, é fundamental que, a cada duas semanas, o nível e textura do óleo sejam verificados.

4º - Cuidado com a lavagem do carro

O ideal é que o carro seja lavado quinzenalmente, para evitar que sujeiras impregnadas manchem a pintura.

Mas atenção com a lavagem. O ideal é que seja a manual, ainda melhor opção dentre todas as existentes.

Lavagens a seco e automática podem prejudicar desde a lataria até a pintura do carro.

5º - Estacione o carro com atenção

Quando o carro é estacionado de modo correto, aborrecimentos são evitados. Primeiro, de ordem mecânica. Estacionar com as rodas viradas, por exemplo, prejudica o braço da suspensão.

Outro prejuízo que pode advir dessa má prática é de ordem estética. Batidinhas de portas alheias e até ações propositais de avaria ao carro por estacionar sem atenção às faixas no chão são problemas que prejudicam a lataria do carro.

6º - Mantenha os pneus do carro calibrados

De acordo com pesquisa da Michellin, 45% dos motoristas rodam com a pressão dos pneus fora dos limites recomendados.

Quando isso ocorre, a durabilidade do pneu cai em pelo menos 8 mil quilômetros, o consumo de combustível aumenta e a predisposição a acidentes também se eleva.

Portanto, pesquise qual a calibragem ideal para os pneus do seu carro e mantenha-os sempre na pressão correta. 

7º - Atenção aos prazos da garantia

Isto é importantíssimo! Afinal, para o carro, é sempre melhor ter as peças originais de fábrica. Caso ocorra algum defeito e o prazo de garantia esteja vigente, faça valer o direito à reposição gratuita.

8º - Alivie o peso do porta-chaves

Não reúna, em um único porta-chaves, todas as a chaves que você tem. Do contrário, todo esse peso danificará a ignição do carro, podendo inclusive deixá-lo sem funcionar.

9º - Verifique sempre os freios do carro

Os freios, quando gastos, sempre sinalizam com ruídos, dificuldades para frear, frenagem longa (pedal fundo), trepidações ou luzes acesas no painel.

Portanto, fique sempre atento a esses sinais. Caso apareçam, procure uma oficina de confiança para que profissionais especializados avaliem cada componente do sistema de freios.

Não negligencie a manutenção dos freios e faça o controle de manutenções.

10º - Dirija o carro com cuidado

Uma premissa verdadeira no mundo automotivo é esta: a forma como você dirige interfere diretamente em como está o seu carro.

Ou seja, se você comumente dirige em alta velocidade e aciona os freios de maneira brusca, é provável que alguns mecanismos do motor e do sistema de freio estejam desgastados.

Ao dirigir de forma inteligente, você gasta menos combustível, garante mais segurança a você e demais passageiros e, claro, cuida da saúde do seu carro.

Estas são, portanto, as dez dicas preciosas da Saga Jeep para o seu Jeep. Cuide do seu carro com a atenção que ele merece.